Moema:

(11) 5561-0293

Sto Amaro:

(11) 5523-9222

Higienópolis:

(11) 3078-0321

Telemedicina:

(11) 3280-3331

Olho de Peixe: O Que é? Quais são os Tratamentos?

O que é Olho de Peixe?

“Olho de peixe” é uma expressão popularmente utilizada para se referir a uma condição médica conhecida como verruga plantar. Trata-se de uma protuberância na pele que geralmente ocorre na planta do pé. A verruga plantar é causada pelo vírus do papiloma humano (HPV) e pode se assemelhar a um calo, mas tem características distintas.

A verruga plantar recebe o apelido de “olho de peixe” devido à sua aparência, que muitas vezes inclui uma área central mais escura, cercada por uma borda mais clara, assemelhando-se a um olho de peixe.

Essas verrugas podem ser dolorosas ao caminhar, especialmente se estiverem localizadas em áreas de pressão, como a planta dos pés. Existem diferentes opções de tratamento para verrugas plantares, que podem incluir medicamentos tópicos, procedimentos médicos ou intervenções cirúrgicas, dependendo da gravidade e resistência da verruga.

 

 

Quais são os Sintomas do Olho de Peixe?

Os sintomas da verruga plantar, também conhecida como “olho de peixe”, podem variar, mas geralmente incluem:

  1. Protuberância na pele: Uma lesão elevada na pele, muitas vezes com uma área central mais escura.
  2. Dor ao caminhar: A verruga plantar pode causar dor ou desconforto ao caminhar, especialmente se estiver localizada em áreas de pressão nos pés.
  3. Pontos pretos: Pequenos pontos pretos podem estar presentes na verruga, que são, na verdade, pequenos vasos sanguíneos coagulados.
  4. Crescimento lento: As verrugas plantares geralmente crescem lentamente ao longo do tempo.
  5. Contorno irregular: A borda da verruga plantar pode ser irregular, e a lesão pode parecer mais espessa nas áreas de pressão.
  6. Sensação de “andar sobre uma pedra”: Algumas pessoas descrevem a sensação de ter uma pedra no sapato devido à presença de uma verruga plantar.

É importante observar que nem todas as verrugas plantares apresentarão todos esses sintomas, e a gravidade dos sintomas pode variar de pessoa para pessoa.

 

Quais são os Tratamentos para Olho de Peixe?

Existem várias opções de tratamento para verrugas plantares, e a escolha do método dependerá da gravidade, da localização da verruga e da preferência do paciente. Alguns dos tratamentos comuns incluem:

  1. Medicamentos tópicos: Podem ser usados medicamentos de venda livre ou prescritos pelo médico, como ácido salicílico. Esses produtos ajudam a remover a camada externa da verruga e podem ser aplicados em casa.
  2. Crioterapia: Este método envolve o congelamento da verruga com nitrogênio líquido. O congelamento provoca a morte das células afetadas, e a verruga geralmente cai após alguns dias.
  3. Curetagem: Esse procedimento envolve a remoção da verruga usando uma cureta (instrumento cirúrgico em forma de colher). Pode ser feito em consultório médico.
  4. Laser: A terapia a laser pode ser usada para destruir a verruga. Ela é mais comumente usada quando outros métodos não foram eficazes.
  5. Injeções: Em alguns casos, injeções de medicamentos imunomoduladores podem ser usadas para estimular o sistema imunológico a combater o vírus que causa a verruga.
  6. Imunoterapia tópica: Alguns tratamentos visam fortalecer o sistema imunológico local, ajudando o corpo a combater a verruga.

É importante notar que o tratamento pode levar algum tempo, e é possível que a verruga reapareça mesmo após a remoção. Além disso, algumas verrugas plantares podem desaparecer por conta própria ao longo do tempo.

Consultar um Médico Dermatologista é crucial para determinar o melhor curso de ação com base na condição específica de cada pessoa.

 

Leia também:

Pele Inflamada – Como Tratar a Condição

 

Compartilhe:

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Postagens

Envelhecimento da Pele: Uma Jornada Científica

O envelhecimento da pele, processo biológico irreversível e multifatorial, é um tema de grande interesse científico e estético. Compreender os mecanismos subjacentes ao envelhecimento cutâneo

Quando se deve procurar um Dermatologista?

Quando procurar um Dermatologista?   Você deve procurar um dermatologista sempre que tiver preocupações ou problemas relacionados à pele, cabelo, unhas ou mucosas. Aqui estão

Gostou deste Post?

Cadastre seu email e inscreva-se em nossa Newsletter

Abrir chat
Agendar consulta?
Olá
Gostaria de agendar uma consulta?